CLICK AQUI

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Cabo Natanael da PM se defende das acusações do MP

CBPM Natanael nos estúdios da Correio do Vale
Acusado pelo promotor de justiça, Marinho Mendes Machado de ser integrante de uma quadrilha de assaltantes e, de participar um grupo de extermínio em Mamanguape e cidades da região, que já assassinaram mais de 40 pessoas, o Cabo da PM, Natanael esteve na manhã desta quinta-feira (17) participando ao vivo do Programa Rádio Repórter apresentado por Williames Soares, com participação de Lenilson Balla e Chico Soares, para se defender das denúncias.

Ele que foi ouvido pela Corregedoria da Polícia Militar, se defendeu das acusações, disse que em breve a população ficará sabendo quem está com a verdade.

Cauteloso e orientado pela sua advogada Patrícia Silva Ferreira, o Cabo Natanael revelou que se existisse provas contra ele, já estaria preso, todavia qualquer denúncia requer uma investigação, por isso, a Corregedoria da PM abriu um (IPM) Inquérito Policial Militar que será divulgado o resultado em 40 dias.

O acusado garante que as denúncias contra ele são infundadas, porém, preferiu não criticar ou rebater o promotor Marinho Mendes Machado, muito menos, citou os nomes dos PMs, Subtenente Zenaldo e o Soldado Bruno, lotado na 2ª CIA de Mamanguape, que estariam marcados para morrer por serem policiais atuantes e responsáveis pela prisão de quase toda a quadrilha.

O cabo Natanael ingressou tem mais de 10 anos na corporação da PM e reside em Mamanguape, já trabalhou como segurança do ex-prefeito Fábio Fernandes (PSDB) e o atual prefeito da cidade, Eduardo Brito (PR)
fonte: http://www.abaladanoticia.blogspot.com/