CLICK AQUI

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Laudo aponta: mulher que acusa Marcelinho Paraíba de tentativa de estupro sofreu agressão física

A advogada Rosália de Abreu, que acusa o jogador Marcelinho Paraíba de tentativa de estupro, sofreu agressão física.
A constatação está em laudo divulgado hoje pelo Núcleo de Medicina Legal de Campina Grande.
Rosália fez exames de corpo de
Rosália fez exames de corpo delito
O documento, assinado pela médica legista Rita de Cássia Pereira, aponta vários sinais de violência, como pequenos hematomas no pescoço e no couro cabeludo e corte na cavidade interna da boca da vítima que provocou ruptura.
O laudo descarta conjunção carnal.
Marcelinho foi preso na última quarta-feira em flagrante, sob a acusação de tentativa de estupro.
O suposto crime teria ocorrido na granja do jogador em Campina, onde ele dava uma festa. Já solto, ele concedeu entrevista coletiva ontem na Ilha do Retiro, sede do Sport em Recife, onde disse que foi vítima de armação
fonte;PORTALCORREIO