CLICK AQUI

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Rio Tinto perde Eduardo Gonçalves, sec. de meio ambiente

Foto Por Felipe França
Na manhã desta segunda (12), faleceu no Hospital São Vicente de Paula em João Pessoa o secretário de Turismo, Meio Ambiente, Cultura e Esportes de Rio Tinto, Eduardo Gonçalves, 64 anos.

Ele estava internado e sofria de diabetes, o que aos poucos foi ocasionando paralisação na funcionalidade de alguns órgãos.
Eduardo exerceu representatividade importante em vários fóruns turísticos da Paraíba e foi secretário da Associação dos Municípios Turísticos da Paraíba.

Português (Tuca) como era conhecido na cidade, foi secretário de Turismo nos dois governos do ex-prefeito Marcus Gerbasi (1989-1992) – (1997-2000) e na gestão Magna Gerbasi (2005-2008) – (2009-2011).

Teve atuação marcante e bastante atuante nos temas relacionados ao turismo do Litoral Norte do estado. Seu sonho era ver concluído a PB-008 (trecho norte) que liga as cidades de Lucena, Praia de Campina-Rio Tinto, Marcação, Baía da Traição à Mataraca. Outro desejo antigo era ver concluído o Plano de Manejo, documento que regulamenta (áreas de preservação permanente) e da APA (Área de Preservação Ambiental) da foz do rio mamanguape – Rio Tinto.

Medalha de Mérito Turístico em 2010

A Frente Parlamentar do Turismo da Paraíba sob a presidência da então deputada estadual na época, Iraê Lucena, homenageou 10 personalidades com a Medalha de Mérito Turístico 2010, outorgada pela Assembleia Legislativa do Estado da Paraíba em solenidade no dia (27/09/2010) no Auditório Sérgio Bernardes do Tropical Hotel Tambaú. Entre as mais importantes personalidades atuantes no turismo da Paraíba estava Eduardo Manuel Gonçalves que recebia das mãos de Iraê Lucena tão importante homenagem com a medalha de mérito turístico 2010.

A prefeita Magna Gerbasi decretou luto oficial por 3 (três) dias no município.

Seu corpo está sendo velado em sua residência na Avenida José Tenente de França (Patrício). Seu enterro acontece às 17h no cemitério local Santo Antônio.
fonte: abaladanoticia