CLICK AQUI

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Estava desaparecida.Polícia concede entrevista para revelar morte e ocultação de cadáver de estudante



A Polícia Civil de Campina Grande reúne a imprensa a partir das 9h desta quinta-feira, 8, na Central de Polícia quando concederá entrevista sobre o assassinato da estudante Ana Alice de Macedo, 16 anos, que estava desaparecida desde setembro deste ano.
O secretário da Segurança e Defesa Social, Cláudio Lima e o delegado geral, André Rabelo, estarão presentes na coletiva, quando será apresentado o principal acusado de ter participado da morte e ocultação de cadáver da estudante.
O corpo da estudante Ana Alice foi encontrado na quarta-feira, 7, enterrado em um fazenda na zona rural de Caturité, já próximo da cidade de Boqueirão.
Segundo consta de informações da polícia, Ana Alice residia na cidade de Queimadas e no final da tarde do dia 9 de outubro deste ano retornava do colégio Padre Inácio, na cidade de Boqueirão para sua residência no sítio Bodopitá, zona rural de queimadas. Por volta das 17h30 ela desceu do ônibus escolar e entrou numa estrada vicinal de acesso a sua residência, distante um quilômetro.
No caminho ainda encontrou um primo que estuda no período da chuva. Foi a última pessoa a ver a estudante.
O desaparecimento da estudante foi descoberto após minucioso levantamento feito pela polícia. o delegado Eri Santos, de Queimadas, informou que rastreou ligações telefônicas do celular de Ana Alice, no entanto, outros detalhes serão revelados pela polícia durante a coletiva.
J.Luiz com Wscom