CLICK AQUI

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Deveu paga com a vida. Usuário de drogas é assassinado


certo de conta. Essa é a hipótese que está sendo investigada pela polícia na tentativa de desvendar a autoria do assassinato de Arlindo Júnior Alves da Silva, de 18. Ele foi executado a tiros na final da madrugada desta terça-feira, 5, na cidade de Bayeux, região metropolitana de João Pessoa.

Consta de informações colhidas pela polícia que o adolescente saiu de casa, no Beco de Seu Marques, no bairro de São Bento e ficou na frente. Em dado momento resolveu fazer necessidade fisiológica, foi quando apareceram dois homens numa moto, tendo o carona efetuado os disparos.

A mãe do garoto estava dormindo e acordou com os disparos e ao abrir a porta da casa viu o filho caído, já morto. Ela confirmou que Arlindo era usuário de droga. “Dei muito conselho a ele”, disse, ao revelar que o filho estava trabalhando na tentativa de deixar a droga.

J.Luiz com Aguinaldo Mota