CLICK AQUI

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Vizinhos saem para ver tiroteio na rua; um é morto e dois ficam feridos.

Um tiroteio ocorrido no início da madrugada deste domingo (23), em um Beco da Rua Adelino Eugênio, no Bairro do Cristo Redentor, provocou a morte da cabeleireira MaIlda Ferreira da Silva Moraes, 40 anos. Ela foi atingida por um tiro nas costas.
Édipo Nogueira de Oliveira Coqueijo, 19 anos, soldado do Exército, residente na Rua Mourise de Miranda Gusmão, foi atingido por um tiro nas costas, e Germano Pereira Gomes, 23 anos, estudante residente na Rua Adelaide Novais, também foi baleado, sendo os dois socorridos ao Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena.
 De acordo com as informações da Polícia, passava da meia noite, quando Mailda se encontrava na casa do seu vizinho conhecido por Gilson, quando ocorreram vários disparos de arma de fogo efetuados por Wellington Ferreira da Cruz, conhecido por “Amaral”, e Oséas Ribeiro Quirino de Sousa, ambos residentes na Travessa Horácio Trajano. Cessado o tiroteio as pessoas saíram à rua para ver o que aconteceu, quando “Amaral” voltou a disparar, sendo que desta vez os tiros acertaram as três vítimas que estavam na calçada.
 Click aqui e Curta a fanpage do Notícias e informações Online no Facebook e receba as últimas notícias
 Imediatamente a Polícia e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – Samu foram acionados. Os paramédicos prestaram os primeiros socorros aos três feridos ainda no local, que em seguida foram colocados dentro das ambulâncias e levados para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena. Maílda morreu minutos depois de ter dado entrada, já as outras duas vítimas passaram por procedimentos médicos e se encontram internadas, sem risco de morte.
 J.Luiz com portalcorreio

Hospital de Trauma de João Pessoa