CLICK AQUI

terça-feira, 6 de maio de 2014

Criança baleada em João Pessoa permanece internada em estado gravíssimo

A menina de cinco anos que sofreu tentativa homicídio na noite dessa segunda-feira (5) continua internada no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa e de acordo com a assessoria de imprensa da unidade hospitalar, o estado de saúde dela permanece gravíssimo. Ela foi atingida na nunca por um tiro de arma de fogo que transfixou a testa.
O crime ocorreu na comunidade Jardim Ester, no bairro de Mandacaru, na Zona Norte de João Pessoa. Dois homens invadiram a casa da criança e disparam contra duas mulheres, além da própria garota. Uma das vítimas de 38 anos não resistiu aos ferimentos e morreu dentro de uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. A outra mulher e a criança foram socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma.
 Click aqui e Curta a fanpage do Notícias e informações Online no Facebook e receba as últimas notícias
O capitão Antônio Sousa, comandante da Unidade de Polícia Solidária do bairro, disse durante participação no programa Cidade Alerta Paraíba, TV Correio HD, que o objetivo dos acusados era matar a dona do imóvel que, segundo eles, estariam delatando a ação do tráfico local às forças de segurança.
“A mulher que morreu teve a filha morta há meses atrás em Mandacaru. Daí, eles suspeitaram que ela estaria delatando a movimentação criminosa à polícia. Ela morreu ao dar entrada no Trauma-JP, a criança teve a bala transfixada na cabeça e a outra mulher ferimentos leves”, comentou o capitão.
O policial adiantou que equipes da Polícia Militar realizam diligências para capturar os acusados “O nosso objetivo é identificá-los”.
J.Luiz com portalcorreio
 Mulher morreu durante o socorro