CLICK AQUI

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Casal é preso suspeito de estelionato na venda de veículos.


Um casal foi preso em João Pessoa, suspeito de aplicar golpes na venda de veículos. O homem de 35 anos, natural de Caruaru (PE), e a esposa dele, de 37, natural de Campina Grande (PB) são apontados pela polícia como estelionatários e teriam causado um prejuízo de quase R$ 90 mil.
De acordo com a polícia, os suspeitos tinham uma empresa para a comercialização de veículos, em Mangabeira, e teriam negociado pelo menos quatro automóveis de forma fraudulenta. O delegado Lucas Sá informou que, em uma das transações, uma vítima entregou o cartão de crédito para pagamento de R$ 9 mil, mas os suspeitos registraram R$ 23 mil e se apropriaram dos valores passados a mais.

Ainda conforme o delegado, o casal não entregava corretamente os documentos necessários para as transações e quando foi descoberto por vítimas, tentou extrair mais dinheiro com a justificativa de que iria resolver pendências.
Sá disse ainda que os suspeitos emitiram cheques com assinaturas falsas e sem fundos para conseguirem mais tempo na execução das fraudes e enganando as vítimas. "Enquanto isso, eles fechavam as portas do estabelecimento e se mudavam para outro local onde não pudessem ser encontrados", afirmou o delegado.
Após denúncias e investigações, a Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) localizou o casal em Mangabeira e o prendeu. Enquadrados no crime de estelionato, os dois foram levados para a carceragem da Central de Polícia Civil em João Pessoa.
J.Luiz com portalcorreio
Segundo a polícia, casal emitia cheques sem fundos